Diário Bíblica Portugués

8 de Agosto de 2022

Primeira leitura: Ez 1,2-5.24-28c: 
Tal era a aparência visível da glória do Senhor.
Salmo: Sl 148,1-2.12abc.14abcd: 
R. Da vossa glória estão cheios o céu e a terra.
Evangelio: Mt 17,22-27: 
Eles o matarão, mas no terceiro dia ele ressuscitará. Os filhos estão isentos dos impostos.

Tema: São Domingos, Presbítero (Memória)

Naquele tempo, quando Jesus e os seus discípulos estavam reunidos na Galileia, ele lhes disse: "O Filho do Homem vai ser entregue nas mãos dos homens. Eles o matarão, mas no terceiro dia ele ressuscitará". E os discípulos ficaram muito tristes. Quando chegaram a Cafarnaum, os cobradores do imposto do Templo aproximaram-se de Pedro e perguntaram: "O vosso mestre não paga o imposto do Templo?" Pedro respondeu: "Sim, paga". Ao entrar em casa, Jesus adiantou-se, e perguntou: "Simão, que te parece: Os reis da terra cobram impostos ou taxas de quem: dos filhos ou dos estranhos?" Pedro respondeu: "Dos estranhos!" Então Jesus disse: "Logo os filhos são livres. Mas, para não escandalizar essa gente, vai ao mar, lança o anzol, e abre a boca do primeiro peixe que pescares. Ali encontrarás uma moeda; pega então a moeda e vai entregá-la a eles, por mim e por ti".

Comentário 

 

O convite pedagógico do evangelho é optar pelo projeto do Reino e relativizar as pretensões de nossas expectativas. Com este segundo anúncio de morte e ressurreição, Mateus oferece uma ênfase vital ainda em vigor: compreender o caminho de Jesus de Nazaré, o Messias libertador, implica viver como comunidades ressuscitadas que o reconhecem como caminho de humanização. Por outro lado, a tristeza excessiva dos discípulos do Mestre não faz mais do que desnudar as expectativas "míopes" de quem o segue: "a esperança colocada numa futura libertação sócio-política sob um modelo nacionalista e autoritário de restauração" (expectativas populistas). O messianismo de Jesus manifesta a práxis de outra lógica que não se caracteriza pelos símbolos e mecanismos de força e imposição, mas de reconciliação e reabilitação do humano, como a vida de Deus na condição humana, que supera todo legalismo e ritualismo. Agimos como comunidades oprimidas pela dor ou assumimos a vida como um desafio criativo e humanizador?

Santo do Dia
S. Domingos de Gusmán
c. 1172-1221 ? presbítero e fundador ? \"Domingos? quer dizer
\"nascido no dia do Senhor?

Natural de Caleruega, Espanha, foi o fundador da Ordem dos Pregadores. Estudou teologia em Valência, tornando-se cônego no bispado de Osma. Em 1206, acompanhou o bispo Diogo numa missão papal contra os albigenses em Languedoc, os quais negavam os principais dogmas católicos, como a encarnação, os sacramentos, etc. Domingos passou a viver pobremente e a procurar a conversão dos albigenses tocando-lhes o coração e a mente pelo seu exemplo de vida. Em 1215, em Tolosa, surgiu a idéia de fundar uma ordem de pregadores, de sólida formação intelectual, teológica e espiritual, aptos a ensinar e pregar em qualquer lugar. Nasciam então os Dominicanos.

 

 

 

Related Articles

10 de Abril de 2022

9 de Abril de 2022

8 de Abril de 2022