Diário Bíblica Portugués

6 de Agosto de 2022

Primeira leitura: Dn 7,9-10.13-14: 
Sua veste era branca como neve.
Salmo: Sl 96(97),1-2.5-6.9: 
Deus é Rei, é o Altíssimo, muito acima do universo.
Evangelio: Lc 9,28b-36: 
Moisés e Elias conversavam sobre a morte que Jesus iria sofrer.

Tema: TRANSFIGURAÇÃO DO SENHOR (Festa)

Naquele tempo, Jesus levou consigo Pedro, João e Tiago, e subiu à montanha para rezar. Enquanto rezava, seu rosto mudou de aparência e sua roupa ficou muito branca e brilhante. Eis que dois homens estavam conversando com Jesus: eram Moisés e Elias. Eles apareceram revestidos de glória e conversavam sobre a morte, que Jesus iria sofrer em Jerusalém. Pedro e os companheiros estavam com muito sono. Ao despertarem, viram a glória de Jesus e os dois homens que estavam com ele. E quando estes homens se iam afastando, Pedro disse a Jesus: Mestre, é bom estarmos aqui. Vamos fazer três tendas: uma para ti, outra para Moisés e outra para Elias. Pedro não sabia o que estava dizendo. Ele estava ainda falando, quando apareceu uma nuvem que os cobriu com sua sombra. Os discípulos ficaram com medo ao entrarem dentro da nuvem. Da nuvem, porém, saiu uma voz que dizia: Este é o meu Filho, o Escolhido. Escutai o que ele diz! Enquanto a voz ressoava, Jesus encontrou-se sozinho. Os discípulos ficaram calados e naqueles dias não contaram a ninguém nada do que tinham visto.

 

Comentário 

 

Para a tradição apocalíptica judaica, os acontecimentos da história não são esquecidos; ações a favor ou contra a vida são registradas em um livro que está na presença de Deus; Ele é quem julga o comportamento humano, buscando por todos os meios corrigir e libertar. Aqui se reflete o mais profundo desejo de justiça dos povos oprimidos e esquecidos, vulneráveis ​​a abusos e sem recursos para mudar seu infeliz destino. Ao longo das gerações, temos que forjar a ideia do reino de Deus, experiência que levou Jesus a transformar as relações humanas. Ser transfigurado significava para Jesus fortalecer suas convicções e sua dedicação. Em nossa vida e comunidades precisamos transfigurar a mentalidade materialista para uma mais solidária. É hora de nos perguntarmos sobre nosso ideal de vida: O que nos move na vida? O desejo de acumular ou fazer o bem? O que podemos fazer para promover ações de justiça e paz?

Santo do Dia
Transfiguração do Senhor

A festa da Transfiguração do Senhor já era celebrada no Oriente desde o século V. No século VIII, os sírios ocidentais a celebravam com o nome de Festa do Monte Tabor. No dia 6 de agosto de 1457, o papa Calisto III a instituiu como festa da Igreja Universal. O evento evangélico está relatado nos evangelhos (Mc 9,2-8; Mt 17,1-8; Lc 9,23,28-36) e mostra que Jesus é o Messias, o novo Moisés, o Servo sofredor a ser glorificado pelo Pai na ressurreição. No cume da montanha (Monte Tabor) Jesus se transfigurou diante de Pedro, Tiago e João, vestindo-se de luz e falando com Moisés e Elias. Os discípulos ficaram tão inebriados que disseram: \"É bom nós estarmos aqui?. E Anastácio Sinaíta completa: \"Que pode haver de mais delicioso, de mais profundo, de melhor do que estar com Deus, conformar-se a ele, encontrar-se na luz? De fato, cada um de nós, tendo Deus em si, transfigurado em sua imagem divina, exclame jubiloso: É bom estarmos aqui, onde tudo é luminoso, onde está o gáudio, a felicidade e a alegria. Onde no coração tudo é tranqüilo, sereno e suave. Onde se vê Cristo, Deus? (cf. Liturgia das horas, v. IV, p. 1161).

 

 

 

 

 

 

 

Related Articles

10 de Abril de 2022

9 de Abril de 2022

8 de Abril de 2022