Diário Bíblica Portugués

11 de Fevereiro de 2023

Primeira leitura: Gn 3,9-24: 
E o Senhor Deus o expulsou do jardim de Éden, para que ele cultivasse a terra.
Salmo: Sl 89(90),2.3-4.5-6.12-13 (R. 1): 
R. Ó Senhor, vós fostes sempre um refúgio para nós.
Evangelio: Mc 8,1-10: 
Comeram e ficaram satisfeitos.

Tema: Nossa Senhora de Lourdes (Memória facultativa)

Naqueles dias, havia de novo uma grande multidão e não tinha o que comer. Jesus chamou os discípulos e disse: "Tenho compaixão dessa multidão, porque já faz três dias que está comigo e não têm nada para comer. Se eu os mandar para casa sem comer, vão desmaiar pelo caminho, porque muitos deles vieram de longe". Os discípulos disseram: "Como poderia alguém saciá-los de pão aqui no deserto?" Jesus perguntou-lhes: "Quantos pães tendes?" Eles responderam: "Sete." Jesus mandou que a multidão se sentasse no chão. Depois, pegou os sete pães, e deu graças, partiu-os e ia dando aos seus discípulos, para que os distribuíssem. E eles os distribuíam ao povo. Tinham também alguns peixinhos. Depois de pronunciar a bênção sobre eles, mandou que os distribuíssem também. Comeram e ficaram satisfeitos, e recolheram sete cestos com os pedaços que sobraram. Eram quatro mil, mais ou menos. E Jesus os despediu. Subindo logo na barca com seus discípulos, Jesus foi para a região de Dalmanuta.

 

Comentário

Hoje, em meio ao individualismo e à mercantilização da vida, a tentação de viver na solidão é muito forte e difundida. Esta solidão torna-se indolência quando vivemos sem nos preocuparmos com os outros, negando a nossa natureza como Criação em comunidade. Além disso, a solidão nos corrói quando, vivendo em comunidade, nada fazemos para denunciar a opressão ou corrigir as desigualdades. A isto Jesus convida a sua comunidade discípula: não a ficar de braços cruzados nem a rezar, mas a partilhar solidariamente a sorte dos famintos e desprotegidos. Que o Senhor nos ajude a caminhar em comunidade, longe de toda solidão e indolência que nega nosso vínculo com a Criação e o compromisso que temos com o cuidado integral da vida. Mesmo aquele pouco que você tem, se você compartilhar, torna-se uma fonte de bênção para sua vida. Não se acostume a acumular; lembre-se que é melhor compartilhar.

Santo do Dia
Nossa Senhora de Lourdes

N o dia 11 de fevereiro de 1858, N. Senhora apareceu à Bernadete Soubirous na gruta de Massabielle, Lourdes, França. Foram 18 as aparições, e a última ocorreu no dia 16 de julho, festa de N. Senhora do Carmo. Foi quando a Virgem se revelou como a Imaculada Conceição. No lugar das aparições ergueu-se uma capela que mais tarde se tornaria o grande santuário de Lourdes, ao qual acorrem milhares de devotos que vão pedir à Virgem saúde e paz interior. É invocada com a seguinte oração:
Ó Virgem puríssima, Nossa Senhora de Lourdes, vos dignastes aparecer a Bernadete, no lugar solitário de uma gruta, para nos lembrar que é no sossego e recolhimento que Deus nos fala e nós falamos com ele. Ajudai-nos a encontrar o sossego e a paz da alma que nos ajudem a nos conservar sempre unidos a Deus. Nossa Senhora da gruta, dai-me a graça que vos peço e de quanto preciso (pedir a graça). Nossa Senhora de Lourdes, rogai por nós. Amém.