Consulta diaria


Primeira leitura: 2Cor 5,14-21:  
Aquele que não cometeu nenhum pecado, Deus o fez pecado por nós.
Salmo: Sl 102, 1-2. 3-4. 8-9. 11-12 (R. 8a):  
O Senhor é indulgente, é favorável.
Evangelio: Mt 5,33-37:    
Eu vos digo: não jureis de modo algum.

 

 

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: Vós ouvistes o que foi dito aos antigos: 'Não jurarás falso', mas 'cumprirás os teus juramentos feitos ao Senhor'. Eu, porém, vos digo: Não jureis de modo algum: nem pelo céu, porque é o trono de Deus; nem pela terra, porque é o suporte onde apoia os seus pés; nem por Jerusalém, porque é a cidade do Grande Rei. Não jures tão pouco pela tua cabeça, porque tu não podes tornar branco ou preto um só fio de cabelo. Seja o vosso 'sim': 'Sim', e o vosso 'não': 'Não'. Tudo o que for além disso vem do Maligno.

Comentário

A mídia e alguns acadêmicos puseram em destaque a questão da pós-verdade como uma maneira de dar valor à mentira que pode sobreviver no imediatismo da realidade. O cristianismo é tentado a cair nesse tipo de circunstância também, toda vez que assumir uma espiritualidade emotiva, egoísta e individualista, que não passa pelo compromisso pelo outro; pode ser considerado um cristianismo de mentira. Nesse sentido, jurar em vão é pecado e significa chamar aquele que é para seja testemunha de algo que não é. Em Jesus não há possibilidade para a ambiguidade; a radicalidade do reino requer uma resposta concreta, aqui não podemos viver na mentira ou na falsidade. Dizer sim significa assumir com ardor aquilo pelo qual Jesus sentiu paixão, significa que mais do que dar a palavra, é optar com firmeza pela causa de Jesus, é sair fora de si mesmo em busca dos outros. E você, o que está disposto a dizer? Sim ou não?

Santo do Dia
S. Maria Micaela do Santíssimo Sacramento
1809-1865 ? fundadora ? \"Micaela? é o feminino de Miguel, que significa
\"quem é como Deus??

Natural de Madri, Espanha, Madre Sacramento foi contemporânea e amiga de S. Antônio Maria Claret, que a apoiou na fundação das Irmãs Adoradoras, dedicadas ao amparo de crianças e jovens que queriam deixar a prostituição. Em 1814, resolveu abandonar sua vida privilegiada de condessa, passando a viver com jovens marginalizadas e mães solteiras. A alta sociedade espanhola ficou escandalizada, tomando-a por louca, mas sua obra cresceu e se expandiu pelo mundo inteiro. Era chamada de Senhoras Adoradoras e Escravas do Santíssimo Sacramento. S. Micaela morreu vítima da cólera.