Consulta diaria

Primeira leitura: 1Jo 3,22 - 4,6:
Examinai os espíritos para ver se são de Deus.
Salmo: Sl 2, 7-8. 10-11 (R.8a):
Eu te darei por tua herança os povos todos.
Evangelio: Mt 4,12-17.23-25:
O Reino dos Céus está próximo.

 

 

Naquele tempo: Ao saber que João tinha sido preso, Jesus voltou para a Galileia. Deixou Nazaré e foi morar em Cafarnaum, que fica às margens do mar da Galileia, no território de Zabulon e Neftali, para se cumprir o que foi dito pelo profeta Isaías: 'Terra de Zabulon, terra de Neftali, caminho do mar, região do outro lado do rio Jordão, Galileia dos pagãos! O povo que vivia nas trevas viu uma grande luz; e para os que viviam na região escura da morte brilhou uma luz.' Daí em diante, Jesus começou a pregar, dizendo: 'Convertei-vos, porque o Reino dos Céus está próximo.' Jesus andava por toda a Galileia, ensinando em suas sinagogas, pregando o Evangelho do Reino e curando todo tipo de doença e enfermidade do povo. E sua fama espalhou-se por toda a Síria. Levavam-lhe todos os doentes, que sofriam diversas enfermidades e tormentos: endemoninhados, epiléticos e paralíticos. E Jesus os curava. Numerosas multidões o seguiam, vindas da Galileia, da Decápole, de Jerusalém, da Judeia, e da região além do Jordão.

Comentário

A carta de São João reaviva o tema fundamental da vida cristã: o amor mútuo, como Cristo nos mandou, ou seja, amar ao estilo de Cristo. Sabemos muito bem que amar é a decisão mais importante que a pessoa adota no transcurso de sua existência. É um requisito para manter-se saudável, mas amar igualmente exige higiene e saúde, pois é sabido que as relações tóxicas prejudicam profundamente as pessoas. Daí a necessidade de aprender a amar, de educar-nos para o amor e de cumprir o fundamento de nossa fé. Entre os pilares que sustentam a saúde mental está a satisfação das necessidades básicas, naturais e sociais. Junto com isto, recomendam os psicólogos, devemos cultivar atitudes positivas de autoconfiança e de afirmação no meio familiar e social, e igualmente dispensá-las; isto exige uma boa dose de autocrítica. Recordemos que a gratidão tem um lugar central, o mesmo que o humor. Estes ingredientes são indispensáveis para nos encaminhar pelo caminho do amor, como Cristo nos ama. Como nos preparamos para amar?

Santo do Dia
S. Raimundo de Peñaforte
c. 1175-1275 ? religioso e canonista ? \"Raimundo? quer dizer 
\"protetor do conselho?, \"bom conselheiro?

Natural de Barcelona, ali ensinou filosofia e  artes liberais, mas o que o distinguiu foi seu profundo conhecimento em Direito civil e canônico. Coube a ele o mérito das primeiras codificações de Direito canônico, ou seja, das leis que regem a vida da Igreja. Após longo e árduo trabalho, pôde reunir nos cinco volumes das Decretais  os decretos papais e conciliares. Destacou-se também como insigne confessor, perante quem o papa Gregório IX e os reis ajoelhavam-se confessando os pecados e pedindo conselhos. É dele o tratado Suma de penitência  ou  Suma dos casos, um guia muito utilizado pelos confessores na Baixa Idade Média. Daí ser tido como o patrono dos confessores. O que mais o dignificou, entretanto, foi o grande amor pelos pobres e o seu interesse pelos judeus e muçulmanos, que o levou a criar uma escola de línguas orientais para os missionários. Em 1238, foi Superior da Ordem Geral dos Dominicanos. Morreu aos 95 anos  de idade.