Consulta diaria

Primeira leitura: Fl 1,18b-26: 
Para mim, o viver é Cristo e o morrer é lucro.
Salmo: Sl 41 (42),2. 3. 5 (R. 3a): 
Minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo!
Evangelio: Lc 14,1.7-11: 
Quem se eleva, será humilhado e quem se humilha, será elevado.

 

Aconteceu que, num dia de sábado, Jesus foi comer na casa de um dos chefes dos fariseus. E eles o observavam. Jesus notou como os convidados escolhiam os primeiros lugares. Então contou-lhes uma parábola: Quando tu fores convidado para uma festa de casamento, não ocupes o primeiro lugar. Pode ser que tenha sido convidado alguém mais importante do que tu, e o dono da casa, que convidou os dois, venha te dizer: 'Dá o lugar a ele'. Então tu ficarás envergonhado e irás ocupar o último lugar. Mas, quando tu fores convidado, vai sentar-te no último lugar. Assim, quando chegar quem te convidou, te dirá: 'Amigo, vem mais para cima'. E isto vai ser uma honra para ti diante de todos os convidados. Porque quem se eleva, será humilhado e quem se humilha, será elevado.

Comentário

 

Os sistemas educativos promovem os valores de sua sociedade visando levar os indivíduos a sentir-se satisfeitos ou realizados na mesma; eles se tornam funcionais. Hoje existe uma ampla variedade de modelos educativos no planeta. Entretanto, ao adotá-los, é comum a convicção de que os conhecimentos devem ter uma finalidade prática e, sobretudo, incidir em dar sentido pleno à vida dos indivíduos e das sociedades. Não basta ter um elevado número de pessoas com um grau acadêmico; é necessário uma cultura educativa, que favoreça a aprendizagem de todos os agentes que conformam a sociedade. A meta não é graduar-se, mas nunca deixar de aprender. Como conseguir isto? Ali estão os modelos educativos. Também o Evangelho propõe uma educação holística ou total. Façamos uma análise que nos leve a ponderar se os valores propostos e transmitidos nos grupos e ações de pastoral nos oferecem vida integral. Não basta repetir um modelo, é necessário adaptá-lo, para que os que dele participam alcancem a grandeza dos filhos de Deus. Nosso único mestre é Jesus.  

Santo do Dia
S. Martinho de Lima

1579-1639 ? religioso ? É o patrono da justiça social.
É invocado contra os ratos ? \"Martinho? quer dizer \"aquele
que é guerreiro, que é belicoso?


Martinho de Porres foi o primeiro santo mulato da América Latina. Irmão leigo dominicano, nasceu em Lima, Peru, em 1579. Seu pai foi governador do Panamá, e sua mãe uma mestiça de condição humilde. No seu batistério está escrito \"nascido de pai desconhecido?. Foi barbeiro (profissão desprezada pela nobreza espanhola), cirurgião-dentista, roupeiro e enfermeiro. Sua condição de mestiço e filho natural foi um empecilho para entrar na vida religiosa, só conseguindo o grau de \"donato?, um espécie de criado, na ordem dominicana. Só mais tarde, professaria como irmão leigo, mas continuou fazendo os serviços mais humildes. Por isso ele é representado com uma vassoura na mão. Foi, entretanto, um grande místico que devotava aos pobres uma ardente caridade. Com as esmolas recebidas fundou orfanatos, asilos e instituições para cuidar dos escravos. Foi canonizado apenas em 1962, por João XXIII. É invocado com a seguinte oração: 
Ó bem-aventurado S. Martinho, na terra viveste unicamente para Deus e para o próximo. Hoje te encontras junto ao trono da bondade e da misericórdia, por isso podes dispor melhor de seus tesouros. Se aqui sabias onde estava a necessidade para remediá-la, melhor a vês do céu onde moras. Vela, pois, bondoso S. Martinho, por nós que a ti recorremos com firme confiança de sermos ouvidos. Confirma a esperança daqueles que desejam ver-te exaltado na terra, como Deus te exaltou na sua glória. Amém.